Kid Morengueira – Rei do Gatilho e demais sucessos de Moreira da Silva

Kid Morengueira – Rei do Gatilho de Moreira da Silva

Letra:

“O rei do gatilho…Super bang-bang de Michael Gustav,com Kid Morengueira,o mais famoso pistoleiro de Wichitta.Temido pelos bandidos pois só atirava em nome da lei…”

O Rei do gatilho!”

Começa o filme com o garoto me entregando

Um telegrama do Arizona, onde um bandido de lascar

Um bandoleiro transviado que era o bamba lá da zona

E não deixava nem defunto descansar.

Dizia urgente que eu seguisse em seu socorro

A diligência do oeste neste dia ia levar

Vinte mil dólares do banco Águia de Prata

Onde a mocinha costumava me encontrar

(breque)

” Venha urgente, pois estou morta de medo. Só tú poderás salvar-nos.

Beijos da tua mary.”

Botei na cinta dois revólveres que atiram

Sem que eu precise nem ao menos me coçar

Assobiei para um cavalo que passava do outro lado

E com o bandido mascarado fui lutar

Metí o peito e nem dei bola pro Xerife

Passei direto no Saloon, fui me encostando no balcão

Com o chapéu em cima dos olhos nem dei conta

De que o bandido me esperava a traição

(breque)

”Cuidado, moreira”

Era um índio meu amigo que sabia

Das intenções do bandoleiro contra mim

E advertia o seu amigo do perigo que corria

Devo-lhe a vida, mas isso não fica assim

A essa altura o cabaret em polvorosa

Já tinha um cheiro de cadáver se espalhando

Houve um “suspense”de matar o Hitchicock

E em close-up prô bandido fui chegando

Parou o show e as bailarinas desmaiaram

Fugiram todos só ficando ele e eu

Ele atirou, Eu atirei , e nós trocamos tantos tiros

Que até hoje ninguém sabe quem morreu

Eu garanto que foi ele, ele garante que fui eu

Só sei dizer que a mulher dele hoje é viúva

Que eu nunca fui de dar refresco ao inimigo

Como num filme, bang-bang vale tudo

O casamento da viúva foi comigo

(breque)

“Tem um final, mas o final é meio impróprio e eu não digo,

Volte na próxima semana se quiser ser meu amigo

Eu de cowboy fico gaiato, mas não fujo do perigo.”

Demais sucessos de Moreira da Silva

Faixas:

0:00​ – Fui ao Dentista (Cícero Nunes/Sebastião Fonseca)
3:13​ – Cidade Lagoa (Cícero Nunes/Sebastião Fonseca)
5:52​ – Fenômeno (Joaquim Domingos/Nilton Moreira)
7:55​ – Na Subida do Morro (Ribeiro cunha/Moreira da silva)
10:22​ – Rei do Gatilho (Miguel Gustavo)
13:11​ – Acertei no Milhar (Wilson Batista/Geraldo Pereira)
14:56​ – No Seca Suvaco (Moreira da Silva/Ribeiro Cunha)
17:12​ – Judia Rara (Jorge Fara/Moreira da Silva)
20:26​ – Sou Candidato (Aindran Carvalho/Ferreira Gomes)
22:42​ – Margarida (Zózimo Ferreira/Moreira da Silva)
24:40​ – Chave de Cadeia (Moreira da Silva/Geraldo Gomes)
27:34​ – Jogando com o Capeta (Moreira da Silva/Ribeiro Cunha)
29:32​ – Rei do Cangaço
31:36​ – Que Malandro Sou Eu
33:59​ – Lapa Década de Trinta
36:35​ – Sambista de Consultório
38:20​ – Dormi no Molhado
40:18​ – Aquele Retrato Lindo / Implorar / Abre a Janela / Até Amanhã / É Bom Parar / Que Samba Bom

Músicos:

Bateria-Picolé
Baixo-Jorjão
Cavaco/violão-Zé menezes
Violão 7 cordas-Horondino(Dino 7 cordas)
Teclados-Jota Moraes
Acordeon-Chiquinho
Sx e Flauta-Mauro Seinise e Zé Carlos
Trompete-Bidinho
Trombone-Roberto Marques

Coro:

Dinorah/Marlene/Zélia/Raymundo/Stenio/Ismail/Ari Bispo
Sax soprano-Abelo Ferreira
Ritmo-Zizinho/Nosso samba

Esse é um breve relato da história de Moreira da Silva segundo o livro Enciclopédia da Brasileira: Erudita, Folclórica e Popular, da Art Editora Ltda. 1977, vamos ver:

Clique aqui para ver mais sobre Antídoto do Complexo de Vira-Lata do Brasileiro: https://davipinheiro.com/id/antidoto-para-complexo-de-vira-lata-do-brasileiro/

Assuntos Relacionados:

Deixe uma resposta